"Por mais longa que seja a caminhada
o mais importante é dar o primeiro passo…"
Vinicius de Moraes

Destaques

Minimal Site Profile
25 Abr

Entre o Tejo e Porto Brandão

No feriado de 25 de Abril, propomos-lhe um passeio diferente: vamos embarcar num passeio à outra margem do Tejo, onde encaixada num vale encontramos meio perdida a localidade de Porto Brandão.  
Minimal Site Profile
28 Abr

Gerês na Primavera

De 28 de Abril a 1 de Maio convidamo-lo a descobrir alguns dos segredos mais bem guardados da serra do Gerês, por trilhos que nos conduzem a alguns dos  lugares mais selvagens da região. Desde prados que servem de pasto aos garranos, florestas e bosques a perder de vista deixe-se seduzir pelas paisagens marcantes deste território na Primavera.
Minimal Site Profile
29 Abr

Terras do Sado

A 29 de Abril, sábado, desafiamos os nossos caminhantes a rumar a Sul para um trekking extra longo. Sao 30km plenos de tranquilidade por paisagens  que combinam os planos húmidos dos arrozais com vinhedo, pinhal e montado. Uma região lindissíma sem grandes desníveis perfeita para se iniciar em trekkings de longa distancia.
Minimal Site Profile
29 Abr

Visita à Adega Cooperativa da Lourinhã + Caminhada

No dia 29 de Abril, Sábado, a GT leva-o a conhecer a única região demarcada do país para a produção de aguardente vínica e uma das três existentes a nível mundial - a par de Cognac e Armagnac. Depois de uma caminhada pela zona costeira da região, faremos uma visita guiada às caves da Adega Cooperativa, onde ficaremos a conhecer o processo de produção desta bebida e teremos a oportunidade de fazer uma prova.
Minimal Site Profile
30 Abr

Ribeira d'Ilhas

A 30 de Abril, domingo, vamos rumar a Ribeira d'Ilhas, na Ericeira, para uma caminhada pelas arribas desta magnífica costa. Este paraíso muito procurado por surfistas de todo o mundo encerra inúmeras belezas naturais para descobrir pelo próprio pé.
Minimal Site Profile
30 Abr

Trilho das Cardosas

A 30 de Abril, domingo, vamos para as bandas de Arruda dos Vinhos percorrer um novo trilho que se desenvolve junto às margens da Ribeira da Carnota e passa por bosques de carvalhos.
Minimal Site Profile
30 Abr

Do Paço da Rainha ao Jardim do Torel

A 30 de Abril, domingo, a historiadora Nazaré Robalo propõe-lhe um itinerário por uma zona menos conhecida da cidade mas igualmente rica em termos patrimoniais, históricos e arquitectónicos.
Minimal Site Profile
01 Maio

Pelas Aldeias Serranas de Sintra

No feriado de 1 de Maio, segunda-feira, desafiamos os nossos caminhantes a juntarem-se à Green Trekker numa caminhada que percorre algumas das aldeias serranas mais tipícas de Sintra.

Últimas

Minimal Site Profile
Novidades:

Caminhar e meditar na Primavera

Em contagem decrescente para a Primavera vamos retomar a partir de Março as nossas caminhadas com meditação. As sessões, conduzidas por Marta Davies Mertens, nossa parceira do GT body&soul, têm lugar nos mais variados spots na natureza. Desde praias, na serra de Sintra ou noutros locais ainda a agendar venha experimentar a serenidade destes momentos sempre com a natureza como cenário de fundo. Esteja atento à nossa agenda e adopte um estilo de vida zen...
Minimal Site Profile
Novidades:

Passadiços do Paiva vão reabrir!

Os passadiços do Rio Paiva reabrem novamente ao público a 13 de Fevereiro. Depois do incêndio que em Setembro do ano passado motivo o seu encerramento a estrutura com um total de 8km tem agora alguns melhoramentos. Com um limite de 3.500 visitantes por dia tem o custo de 1 euro por pessoa, permitindo aos caminhantes desfrutar com toda a segurança das magníficas vistas sobre as margens do rio e paisagem circundante. Aproveite o programa da Green Trekker «Passadiços do Paiva + rafting», que decorre de 29 de Abril a 1 de Maio, e desfrute de um programa de pura aventura.
Minimal Site Profile
Novidades:

Guia GT por um dia!

Quer saber como é estar deste lado? Descobrir um novo trilho, reconhecer um percurso e limar-lhe as arestas, liderar um grupo, ser capaz de gerir ritmos, pessoas e tantas outras coisas que você nem imagina e fazem parte do dia-a dia da Green Trekker... Se quer experimentar e está motivado liderar uma actividade para a GT deve fazer o seguinte: Enviar um mail para geral@greentrekker com a sua proposta original. Pode ser direccionada à fotografia, cultura, trekking, meditação e outras actividades que façam sentido ao nosso tipo de actividade. As propostas recebidas, que devem ser o mais detalhadas possível, serão posteriormente avaliadas de acordo com os critérios da Green Trekker e seleccionadas para ser postas em prática. Qualquer dúvida envie-nos as suas questões para o nosso mail
Minimal Site Profile
Novidades:

Green Trekker avança no mapa de Portugal!

O nosso parceiro e guia GT, Quirino Tomás, já está instalado na zona da Lousã para cobrir e explorar todo este vasto território e lhe propor trilhos para todos os gostos e diferentes graus de dificuldade!!! Siga-o nas nossas páginas no FB e veja por onde anda... No sábado, dia 18 de Março, espera por si no evento «Pelos Caminhos de Xisto da Lousã» Inscrições através deste link http://www.greentrekker.pt/agenda/pelos-caminhos-de-xisto-da-lousa/
Minimal Site Profile
Novidades:

Já conhece o nosso parceiro Zé?

O José Cruz, arqueólogo, é o novo parceiro GT que irá conduzir alguns dos nossos passeios na zona centro. Saiba mais sobre ele num texto na primeira pessoa. «Tendo crescido com o mar e a serra como horizontes, foi com naturalidade que o contacto com o natureza tivesse assumido um papel fundamental na minha, logo desde a infância. A reboque da paixão pelos desportos de ar livre, vieram as primeiras viagens e com elas as primeiras montanhas e os trekkings em autonomia. Pelo caminho, uma licenciatura em Arqueologia e uma vida guiada pelo fascínio da descoberta, dos sítios e das pessoas, ajudaram a aguçar o gosto pelas caminhadas e pela procura de locais recônditos. É através da Green trekker que irei partilhar convosco essa paixão e levar-vos a conhecer a história e as estórias que cada recanto guarda».
Minimal Site Profile
Novidades:

Níveis de dificuldade dos percursos GT!

A Green Trekker, com o intuito de clarificar os seus clientes quanto aos Níveis de Dificuldade das suas Caminhadas, elaborou uma escala de dificuldade que pretende facilitar a escolha das mesmas por parte dos seus clientes. O objectivo é que através da descrição dos Níveis de Dificuldade, os clientes possam escolher a Caminhada que mais se adequa ás suas capacidades físicas e experiência em Caminhadas. É importante reter que qualquer escala de Níveis de Dificuldade é sempre muito subjetiva e é meramente indicativa. A escolha da caminhada mais adequada a cada cliente, pertence em exclusivo a cada um e deve ser feita de forma consciente e de acordo com as suas capacidades físicas, técnicas e psicológicas. Nível 1: Fácil Acessível a todos, incluindo crianças com mais de 10 anos e que estejam habituadas a caminhar. O percurso realiza-se em terreno maioritariamente plano e pouco acidentado, sem grandes dificuldades técnicas e físicas. Poderão existir alguns desníveis e distâncias a percorrer um pouco mais longos, mas regra geral serão acessíveis à grande maioria das pessoas. Nível 2: Moderado Acessível a todos aqueles que, mesmo não tendo grande preparação física, estão de boa saúde física e estão habituados a caminhar. No percurso poderemos encontrar alguns desníveis mais acentuados e zonas onde o piso poderá ser mais difícil e acidentado. Em alguns casos as distâncias a percorrer poderão ser maiores, mas a dificuldade técnica será reduzida. Nível 3: Exigente Para estas caminhadas é necessária experiência prévia em caminhada e os participantes devem estar em boa forma física. No percurso poderemos encontrar desníveis acentuados e terreno mais difícil em algumas zonas do percurso. A duração da Caminhada poderá ser mais extensa, as distâncias a percorrer maiores e o ritmo imposto superior (menos paragens). Nível 4: Difícil Recomendamos estas Caminhadas a pessoas com experiência em Caminhada, boa condição física e que pratiquem exercício de forma regular. É necessária resistência física e vontade para ultrapassar alguns pontos mais complicados do percurso. Os desníveis são consideráveis e o percurso poderá apresentar dificuldades técnicas acrescidas. As distancias a percorrer podem ser mais extensas, bem como a duração das mesmas e o ritmo imposto à Caminhada. Nível 5: Muito Difícil Destinado a quem tem bastante experiência em Caminhar e uma excelente condição física. A resistência física e vontade para ultrapassar alguns pontos mais complicados do percurso são preponderantes. O percurso pode apresentar desníveis muito acentuados e dificuldades técnicas significativas. Em alguns casos poderão ser necessários equipamentos e ferramentas específicas para vencer alguns obstáculos. A duração e a extensão da Caminhada, bem como o seu ritmo podem ser bastante elevados
Minimal Site Profile
Diário de Uma Trekker:

Jantar na Mesquita de Lisboa

Numa destas noites de sexta-feira quem passar junto à Mesquita de Lisboa apercebe-se de que existe mais movimento do que o habitual. Assim tem sido de há três meses para cá quando a Green Trekker começou a organizar visitas a este templo muçulmano. Elas chegam com os seus lenços e pacheminas de vários tons a cobrir-lhes a cabeça e eles mais arranjados do que o costume esperam pacientemente que seja dada a ordem de entrada. Curiosidade muita... Afinal do outro lado da porta existe uma cultura e tradições muito diferentes da nossa. A primeira vez que lá entrei senti-me tão bem acolhida pelo Sheihk Munir, responsável máximo deste espaço, que rapidamente percebi o respeito mútuo existente entre as duas comunidades: portuguesa e muçulmana. Fotografias pode tirar-se à vontade acrescenta o Sheihk «não temos nada a esconder» e sempre com muito sentido de humor vai respondendo às mais variadas questões que lhe colocam até mesmo as mais indiscretas. Antes de entrararmos na sala de orações começam a amontar-se os sapatos aqui e ali e já lá dentro independentemente de sermos crentes ou não, de pertencermos a esta ou aquela religião, unimo-nos em nome da paz num sentido mais universal. Por fim chegou a hora do jantar e no refeitório da mesquita, onde no ar já pairavam os aromas exóticos das especiarias, o Sheihk com um ar sorridente diz «as senhoras servem-se primeiro». E assim foi pelo menos naquela noite...